PETS - A vida secreta dos bichos (Pets)


Bom para cachorro

O que seu animalzinho de estimação faz quando você não esta em casa para vigiá-lo? Essa é a pergunta que os criadores de Meu Malvado Favorito (Chris Renaud e Pierre Coffin, 2010), esperam responder como sua nova animação: PETS - A vida secreta dos bichos.

Conhecemos Max, um cão de apartamento que ama sua dona até que o inesperado acontece: sua dona adota um novo cachorro chamado Duke. Ambos entram em "pé de guerra" para ver quem vai ser o macho alfa do apartamento, contudo no climax da batalha os dois se perdem em Nova York. Enquanto seus amigos animais - liderados pela cachorrinha Gigi - procuram a dupla de cães perdidos, Max e Duke acabam entrando para a revolução dos animais, guiados por um coelho psicótico chamado de Bola de Neve.

É impossível não se contagiar pela energia que emana da tela, e ainda mais difícil não criar uma empatia com esses personagens. A Ilumination Studios acerta no tom dos animais, brincando com o amor do público por bichinhos de estimação, pois o filme conta que a maioria das pessoas já teve um animalzinho, e por isso fica difícil não se entregar ao mundo de Pets.


É quase como entrar em uma festa. O filme consegue divertir com seus personagens. A animação não perde tempo em jogá-los para o público usando uma apresentação engraçadíssima no habita dos animais.

Além disso, o visual escolhido para os personagens é lindo, colorido, perfeito para as crianças, mas nada saturado para os olhos dos mais velhos, o que não cansa se você optar por 3D. Diferente de outras animações esse filme escolhe o visual em vez do conteúdo, constantemente brilhante sem perder o ritmo dos personagens.

A história carrega várias semelhanças com Toy Story (John Lasseter, 1995), o que pode incomodar os olhos mais atentos e prejudicar um pouco a experiência. E para quem nunca teve um bichinho, não existe mais nada que sustente a animação que aí mostra sua falhas e cai por terra. Não tendo uma mensagem significativa, o longa fica um pouco superficial, perdendo um pouco do seu brilho.

PETS - A vida secreta dos bichos tenta compensar a falta de uma trama substancial injetando um pouco de humor negro, o que pode arrancar risadas graças aos dubladores - que dão um show -, o elenco brasileiro foi escolhido a dedo, o carisma transparece através da dublagem bem dirigida.

É fácil se ver submerso nesse mundo dos Pets, mesmo não tendo uma estrutura onde os personagens possam passar algo mais substancial.

O filme conquista as famílias com uma base superficial interessante: o mundo colorido dos bichinhos de estimação. Conhece sua audiência e sabe entregar exatamente o que ela espera. É o mesmo princípio dos vídeos de gatinhos no Youtube: você pode assistir mil vezes e ainda continuam fofos.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now