PRIMEIRAS IMPRESSÕES: "Uma Mulher Alta" (de Kantemir Balagov)