VALERIAN E A CIDADE DOS MIL PLANETAS (Valerian and the City of a Thousand Planets)


O Quinto Elemento 2.0 em sua repetição

Luc Besson (Lucy, 2014) possui em seus mais de 30 anos de carreira um acúmulo de filmes como diretor, mas principalmente como roteirista e produtor. Alguns realizadores conseguem manter a qualidade de suas obras e se superar juntamente com o amadurecimento de alguns temas recorrentes ou oscilar entre produções interessantes, medianas e descartáveis.


Valerian e a Cidade dos Mil Planetas tem tudo para chamar a atenção, mas nada de novo ou instigante. A empreitada de se trazer à tela a adaptação de um quadrinho que instigou muitos artistas em suas obras com temáticas espaciais - sem dúvidas - é um desafio para qualquer roteirista, e a experiência de Besson poderia dar conta. Mas o que se vê é uma repetição de si e de outros cineastas.


Uma mistura imagética e de personagens de todos os filmes já feitos sobre as novelas espaciais, desde as franquias Star Wars, Star Trek, o filme Avatar (James Cameron, 2009) e outros. Ao assistir Valerian, é nítida a relação com O Quinto Elemento, de 1997, também de Besson. Nesta nova produção revive seu estilo - que chamou a atenção anos atrás - de uma maneira simplória, apenas digitalmente mais impactante pelos recursos gráficos do que como um todo.


O enredo é fraco e em muitas partes desestimulante. Em alguns momentos o tempo passa arrastado pelo seu ritmo, por mais que muito aconteça, e para suprir a dramaturgia exploram-se ao máximo os efeitos. Em vez de uma ficção, pode muito bem ser visto como um tutorial bem caro sobre as possibilidades existentes de efeitos gráficos.


Momentos interessantes, claro que há. É um filme bem feito, e se resume a isso. O potencial de discussão que a história original acarreta se perde, mas no meio de todo esse contexto há boas imagens e boas sacadas dos atores. Dentre os lançamentos do ano, mostra como o cinema precisa para causar uma experiência a união de um bom roteiro com uma visão inteligente para concretizá-lo.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now