A HORA DE SUA MORTE  (Countdown)


Uma tentativa de filme de horror

O gênero terror/horror (assim como todo gênero, aliás) possui regras básicas que, embora não estejam de fato escritas em nenhum manual de direção ou roteiro, são conhecidas na prática por qualquer diretor ou roteirista que esteja minimamente familiarizado com o gênero.


E este não parece ser o caso do diretor estreante Justin Dec, que em A Hora de sua Morte sinceramente parece estar executando um mero exercício de estudante de cinema, em função do primarismo e obviedade com que conduz a narrativa de seu longa de estreia.


A bela protagonista vivida pela igualmente estreante em longa metragem Elizabeth Dean Lail, conhecida por sua pequena participação na série televisiva Once Upon a Time (2011), também não colabora muito no sentido de enriquecer ou dar qualquer consistência à história, apenas compensando sua falta de experiência, em termos de atuação, com uma beleza que realmente chama a atenção.

A opção por uma atriz com pouco talento dramático (ou no mínimo inexperiente), mas belíssima, me faz até lembrar que o recurso era quase sempre utilizado nos deliciosamente divertidos filmes do subgênero Exploitation nos anos 60 e 70. Porém, eu sinceramente não creio que Justin Dec ao menos conheça tais filmes pra tê-los como referência.


A opção por sustos fáceis, conduzidos sobretudo por um bom trabalho de desenho de som, associada à exploração (ruim, aliás) da beleza da atriz para desviar a atenção do espectador em relação ao primarismo do roteiro, só me fazem concluir que o diretor de A Hora de sua Morte provavelmente nem mesmo ter assistido, ao longo de sua breve carreira, os maiores e melhores clássicos da história do gênero terror/horror, aos quais eu nem mesmo vou me dar ao trabalho de citar, justamente porque fã de terror que se preze, e por ventura estiver lendo esta crítica, já deve conhecê-los de cor e salteado, não é mesmo?

Melhor sorte em sua próxima tentativa, meu caro Justin Dec. E só lembrando que fazer a lição de casa antes de se propor a comandar um longa pode fazer toda a diferença.


This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now